O jogo mais violento da internet

Para os sanguinários de plantão que acham que já viram de tudo no mundo dos jogos e pensam que aqueles incríveis jogos de tiros e guerra são cruéis ainda não viram nada.

O jogo que acontece em um estado Pós-soviético em um lugar que está infestado por zumbis, zumbis bobos e bem lentos. Zumbis não são os problemas maiores, A verdadeira ameaça são os outros humanos sobreviventes que podem te pegar e maltratar você. Esse é a historia de DayZ, um jogo online lançado em dezembro que já vendeu mais de 1 milhão de copias.

dayz-standalone-wallpaper-mosin-sniper

DayZ é um jogo criado pela empresa Bohemia Interactive e nele você é um dos únicos sobreviventes que precisa encontrar nessa terra devastada meios de sobreviver, afim de lutar por sua vida com o resto da população que está infectada com a doença.

O jogo no entanto tem chocado muita gente pelas cenas de crueldade. Tudo isso porque os criadores do game de horror incluíram no jogo uma bateria de ações de tortura, e ainda assim logo após você morrer você continua ouvindo a agonia do seu avatar.

Kim Correa uma americana escreveu um texto na internet descrevendo como foi violentada virtualmente por outros dois jogadores, que logo após mata-la praticaram necrofilia digital com o seu cadáver.

DayZ recebeu muitas criticas, mais o jogo não é nem comparado com jogos do gênero de horror, por exemplo existem jogos japoneses que a missão é estuprar o Máximo de pessoas possível.

São muitos jogos criados que contem cenas realmente assustadoras, por isso foi criado uma organização chamada Entertainment software Ratings board que analisa e decide se coloca as classificações etárias indicativas para jogos eletrônicos que são comercializados na America do norte. A organização foi fundada pela Entertainment Software Association em 1994.

Fonte: Super interessante

 




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *